domingo, 28 de janeiro de 2018

Trilho





Inaugura 
no sábado dia 3 de fevereiro das 15h às 18h, em Lisboa, a exposição Trilho de Daniel Moreira e Rita Castro Neves, no Museu Geológico. O Museu Geológico está aberto de segunda a sábado das 10h às 18h e a exposição fica até ao dia 15 de fevereiro, na Rua da Academia das Ciências nº 19, 2º. 


Trilho 
Perseguindo a linha de trabalho que têm desenvolvido à volta da representação da paisagem e da ideia de percurso e territórioDaniel Moreira e Rita Castro Nevesapresentam um conjunto de trabalhos na sequência da experiência que tiveram em 2017, de percorrer 75 km dochamado Trilho dos Pescadorespela Costa Vicentina de Porto Covo a Odeceixe.
Mais do que descrever o trilho pretende-se pensar como se pode conhecer um lugarandandoestudandofotografandodesenhandoJuntando peças várias e organizando-ascomo quem mentalmente reorganiza e ligalocais. Da experiência física ao processo mental, do cansaço à reflexão, usando documentos e memória, num movimento entre imagem desenhada e fotografada - do trilho, ao atelier, para a sala do museu geológico.

Texto da exposição: Pedro Pousada

Agradecimentos especiais ao Pedro, ao João Gigante, ao Paulo Mendes, ao Gustavo Costa e à Escola de Mergulho Amigos do Mar.

quarta-feira, 13 de dezembro de 2017

caleidoscópio


Caleidoscópio (uma exposição coletiva)
A partir de uma ideia de João Baeta

Curadoria: Olho Composto (um coletivo anónimo)
Equipa Caleidoscópica: João Baeta & Luisa Abreu





Inauguração Simultânea
Openings at the same time
Galeria do Sol/Maus Hábitos

16.12 — 21h30

Até
Until
14 Jan - Galeria do Sol
22 Jan - Maus Hábitos

“Exposição coletiva ou dispositivo relacional? Este é o ponto
de partida. O jogo, o problema. Pretende-se que as imagens, os espectadores e os artistas sejam colocados em relação. Uma relação aleatória e igualitária, própria das composições constelares, por isso e a priori, sem a existência de qualquer tipo de hierarquia. (...) A imagem com que cada um dos artistas participa pode ser fruto da sua prática artística ou vinda do mundo da coisas da sua vida. Pode resultar como obra ou imagem que poderia pertencer a um diário qualquer, editada numa rede social, ou enviada a alguém por telemóvel, utilizando afinal os meios e ferramentas que todos no espaço urbano na vida de todos os dias têm ao seu dispor, artistas e não artistas. (...) Assim, as relações entre imagens não serão conformadas pela teoria ou crítica da arte, por um tema ou qualquer outro critério, mas pelo caos de onde emergem e pela contingência das relações que se podem entrever no funcionamento dum dispositivo relacional que pode ser uma exposição colectiva.”

EN
“Collective exhibition or relational device? This is the starting
point. The game, the problem. Here is intended a relation between images, spectators and artists. A random and equal relationship, specific from constellation compositions, that for this reason and a priori doesn’t have any kind of hierarchy. (...) The image each artist present can be the result of their artistic practice or coming from the world of the things of their life. It can result as a work or image that could belong to any newspaper, edited on a social network or sent to someone by mobile phone, using resources and tools of urban space and everyday life at their disposal, artists and not artists. (...) Thus the relations between images won’t be conformed by art theory or art critique, but by the chaos from which they emerge and from the contingency of relations that can be glimpsed in the performance of a relational device that can be a collective exposition.”

Excerto de um texto da autoria de
Author
Trapo

segunda-feira, 4 de dezembro de 2017

Let's look at the trailer

Exposição colectiva na Ó! galeria, em Lisboa e no Porto (7 de dezembro - lisboa e 9 de dezembro - Porto)
Group exhibition at Ó! gallery, in Lisbon and Porto ( 7 December - Lisbon and 9 December - Porto)

Com/ with: Susana Carvalhinhos, Daniel Moreira, Mariana Rio, Leonor Zamith, Susa Monteiro, Amalteia, Cátia Vidinhas, Mariana Malhão, Hélia Aluai, Tiago Galo, Emmanuel Kerner, Barbara Fonseca, Barbara Rocha, Tina Siuda, Carolina Celas, Lord Mantraste, Julio Dolbeth, Yara Kono, Rafaela Rodrigues, Catarina Gomes, Luís Cepa, Dylan Silva, Joana Rosa Bragança, David Penela, Ivo Hoogveld, Joana Estrela, Rui Vitorino Santos, Ching Yu Cheng, Laura Castelló, Sílvia Rodrigues, Tamara Alves, Skinkeape and Inês Costa


Flanzine nr. 16 – PELE


Lançamento da revista Flanzine nr. 16 – PELE na livraria Flâneur, Rua de Fernandes Costa 88, Porto, no dia 9 de Dezembro às 17h. Editor: João Pedro Azul
Magazine launch: Flanzine nr. 16 – PELE (skin) at the Flâneur bookshop, Rua de Fernandes Costa 88, Porto, on 9th December at 5pm. Editor: João Pedro Azul


Com/ with: Cláudia Lucas Chéu - Patricia Shim - Fátima Abreu Ferreira -Fernando Pinto do Amaral - Rita Pinho Matos - Maria Quintans - Juliana Maar - Betânia Liberato - Mar Becker - Sofia Amaro - Yasmin Nigri - Vanda Alexandre - Beatriz Hierro Lopes - Susana Mendes Silva - Peru Saiz Prez -Sara Santos - Ana Pereira - Miguel Filipe Mochila - Daniel Moreira e Rita Castro Neves - Veronica Stigger - Manuel A. Domingos - Israel Pimenta -José Maria Vieira Mendes - Antoine Pimentel - Daniel Lima - Lilian Sais -Estelle Valente - Nina Rizzi - Luisa Cativo - Elisabete Marques - Clara Não -João Concha - Helder Moura Pereira - Nuno Leão - Susana Paiva - Miguel Bonneville - Alípio Padilha - Joana Linda - André Tecedeiro - Mariano Alejandro - Cecília Donateli - Vitorino Coragem - Inês Dias - Olga Santos -Bianca Pataro - Susana Moreira Marques - Ana Teresa Vicente - Andreia Faria - André Domingues - Filipe Marques - Raquel G Silva - Alberto Lins Caldas


Variações sobre António – um colóquio em torno de António Variações

“Variações Várias” - Variações performáticas sobre António (2), 7 de dezembro às 22h30 na Casa das Artes Bissaya Barreto, Avenida Sá da Bandeira 81, Coimbra.
“Variações Várias” - Variações performáticas sobre António (2), December 7 at 10:30 pm at the Casa das Artes Bissaya BarretoAvenida Sá da Bandeira 81, Coimbra.


Participação na obra de Vanda Madureira e Rosa Baptista. 
Participation in the work of Vanda Madureira and Rosa Baptista.

Autoria/Authorship: Vanda Madureira e / and Rosa Baptista Performer: Paulo Correia

Com a colaboração de/ 
with the collaboration of:  Agláize Damasceno . Antónia Labaredas . Ana Rita António . Carmo Almeida . Clarissa Serafim . Cristina Assunção . Daniel Lima . Daniel Moreira e Rita Castro Neves . Fernanda Pedro .  Francisca Branco .  Graça Santos . Jorge Cabrera .  Júlia Cruz . Maria Pereira . Micaela Mestre . Pedro Pousada . Sara Santos . Sofia Borges . Stéphane Blumi . Zélia Évora.


O ciclo Variações performáticas sobre António (2), também conta com performances de / the cicle also includes performances by: Francisco Mesquita . António Olaio . Margarida Correia . Nuno Meireles . José Geraldo


Amanhã! Fotografia com o retalho, contributo para o painel das artistas. Tecido, stencil, tinta vermelha, 75 x 100cm
Amanhã! (Tomorrow!) Photograph with our piece, contribution to the artists oeuvre. Cloth, stencil, red ink, 75 x 100cm.


Elogiamos a casa que se abre a perder de vista


Exposição colectiva na galeria Bolsa de Arte, em São Paulo, Brasil. Até 28 de janeiro de 2018. Curadoria: Mario Gioia
Group exhibition at Bolsa de Arte gallery, in São Paulo, Brazil. Until 28th January 2018. Curator: Mario Gioia

Com/ with: Alexandre Wagner . André Lichtenberg . Bruno Drolshagen . Bruno Miguel . Daniel Moreira e Rita Castro Neves . Ding Musa . Dirnei Prates . Gustavo Torrezan . Julia Milward . Layla Motta . Leka Mendes . Leticia Lampert . Maíra Vaz Valente . Manuela Costa Lima . Marco Maria Zanin .Marina Camargo . Renata de Bonis . Roberta Tassinari . Shirley Paes Leme . Vera Chaves Barcellos . Xadalu

A exposição coletiva dá continuidade a discussões já apresentadas em Ao Sul, Paisagens (2013), na Galeria Bolsa de Arte, em Porto Alegre. Para a mostra de agora, seguem abordagens e investigações de artistas visuais acerca da paisagem na contemporaneidade, mas, desta vez, com um acento maior sobre a urbe, seus dilemas, conflitos e situações. Com um olhar calcado na variedade de linguagens - pintura, fotografia, tridimensional, vídeo, livro de artista -, Elogiamos a casa... traz perspectivas algo cinzentas sobre um dos principais gêneros da história da arte.

Ordem e Progresso (Pixote), 2017, video still
Agradecimentos / thanks: Projeto Fidalga, Felipe Souto Ferreira e / and Ocupação Ouvidor 63.

Video realizado no contexto da Residência Paulo Reis no Projeto Fidalga (agosto 2017) / Work produced during the Paulo Reis Residency at Projeto Fidalga (August 2017).



terça-feira, 21 de novembro de 2017

33,3


Exposição colectiva no Centr'Arte, Fórum da Maia. Curadoria: Leonel Cunha
Group exhibition at Centr'Arte, Fórum da Maia. Curator: Leonel Cunha.

Com / with:  André Lemos Pinto . André Silva . António Melo . Carlos Mensil . Carlos Seabra . Cláudia Lopes . Daniel Moreira e Rita Castro Neves . Esgar Acelerado . Gil Madeira . Inês Castanheira . Isabel Dores . João Baeta . João Gabriel Pereira . João Sousa Pinto . Leonel Cunha . Luís Troufa . Márcio Paranhos . Mariana Cunha Ferreira . Mariana Sardon . Patrícia Geraldes . Pedro Pascoinho . Rita Figueira . Teixeira Barbosa . Vânia Oliveira.

Jardim Atlântico



Exposição colectiva no Colégio das Artes em Coimbra.
Curadoria: Malu Fatorelli e Antonio Olaio.
Group exhibition at Colégio das Artes in Coimbra.
Curator: Malu Fatorelli and Antonio Olaio.

Com/ with:  Daniel Moreira e Rita Castro Neves . Debora Mazloum . Hugo Rodrigues Cunha . Isaura Pena . Junia Penna . Nena Balthar . Susana Anagua . Vanda Madureira.

Laking and Seaing





Exposição individual de Daniel Moreira e Rita Castro Neves nos Encontros da Imagem, no Museu da Imagem em Braga.
Solo exhibition by Daniel Moreira and Rita Castro Neves at Encontros da Imagem Photography festival, at Museu da Imagem, in Braga, Portugal.

Vidro Paisagem



Vidro Paisagem (Residência Paulo Reis no Ateliê Fidalga)

Exposição individual no Projeto Fidalga em São Paulo, resultado da residência artística de um mês (Agosto de 2017). Curadoria: Fátima Lambert.
One-month Paulo Reis Artistic Residence (August 2017) and exhibition at Ateliê Fidalga in São Paulo, Brazil. Curator: Fátima Lambert.

Entretanto



Exposição colectiva na Sputenik the Window no Porto
Group exhibition at Sputenik the Window gallery in Porto

Com/ with:  Ana Efe e All Brain . Ana Luísa Garcia . André Alves . André Silva . Cláudia Lopes . Dalila Gonçalves . Daniel Moreira e Rita Castro Neves . Fabrízio Matos . Inês Amado . João Pedro Trindade . José Maçãs de Carvalho . Luísa Sequeira . Oswaldo Ruiz . Reis Valdrez . Rita Senra . Sama . Veejay Villafranca . Zbigniev Koniek.



terça-feira, 20 de junho de 2017

Déjà vu



Déjà vu, inaugura 1 de Julho, no antigo Real Hospital de Crianças Maria Pia, Porto. Projeto: Galeria Oitavo.
Rua da Boavista 827, Porto. Inaugura dia 1 de Julho das 15h-23h, seguida de festa no Passos Manuel.

Artistas: Ana Aragão & Mariana Sendas, Conceição Campos, Daniel Moreira, Colectivo D-Frente, Grandpa’s Lab & Monika Reut, Indio Kurtz, Inês Peres, Joana Fraga, José Augusto Martins, Júlio Dolbeth & Dylan Silva, Maismenos, Mariana Baldaia, Moura Relvas & Rita Vila-Chã, Rita Castro Neves, Colectivo Rua, Tiago Casanova e Vasco Mendes.


um lugar


no jornal Público - edição de Sábado, 10 de junho de 2017


um lugar


um lugar exposição individual com Rita Castro Neves na Biblioteca Fábrica Social | Fundação José Rodrigues no Porto.


Até 23 de Junho, de quinta a sábado das 14h às 18h.
Rua da Fábrica Social s/n, Porto


In.visibilidades


In.visibilidades - exposição colectiva na galeria Oitavo, Porto


sexta-feira, 24 de fevereiro de 2017

Belgisches Festival


Exposição GRAFIXX GREENHOUSE 
no festival (Belgian Music & Graphic Festival) em Frankfurt.


Flanzine 7+7